Dicas para dispor os produtos. E vender mais!

 

Exibir adequadamente os produtos é meio caminho andando para fechar uma venda. Eis algumas dicas para ajudar na tarefa de expor produtos:

> As pessoas compram o que vêem. Vitrines vazadas, que permitem ver o interior da loja costumam ajudar a levar o cliente para dentro. Roupas dispostas em manequins também.

> Eye level is buy level, costumamos dizer. Sim, produtos na altura dos olhos são aqueles com mais chance de serem comprados. E produtos ao alcance das mãos também.

> O consumidor se sente sufocado se estiver num local apertado. Ele precisa andar, circular livremente, sem trombar com outras pessoas ou com g√īndolas. Leve isso em considera√ß√£o, mesmo numa loja pequena, ao dispor balc√Ķes e displays.

> As pessoas compram mais quando os itens estão agrupados de forma complementar. Cintos, por exemplo, podem estar próximos dos jeans. Isso encoraja o comprador do jeans a experimentar um cinto e levá-lo.

> Estude possíveis sequências.  Shampoo, seguido de condicionador e de anti-frizz, por exemplo, seguem a ordem de uso dos produtos. Dispor, respeitando essa ordem, ajuda a vendê-los.

Comentar

Qual o melhor arquiteto?

 

 

Comentar

Jeans na mira do marketing

 

Iniciativa legal da Selfridges London, que pode inspirar a√ß√Ķes semelhantes aqui no BR: a loja de departamentos lan√ßou um concurso simples no Instagram para promover seus jeans. E tamb√©m para trabalhar a ideia de se transformar no maior destino de compras de jeans, com dezenas de estilos e designers famosos.

Para participar, basta postar uma foto do seu jeans favorito com a hashtag #denimlovers e @theofficialselfridges no Instagram. As fotos escolhidas ser√£o usadas na vitrine da Oxford Street, em agosto. E semanalmente h√° um ganhador de um jeans.

Pra que complicar se pode ser simples, né?  Um site repleto de dicas de como escolher o jeans ideal foi criado (veja aqui) e na loja é possível marcar horário para comprar com um personal shopper ou para ter uma  calça feita sob medida.

Comentar

7 dicas para o sucesso de uma rede de franquias de confecção

 

H√° um mito segundo o qual √© muito dif√≠cil viabilizar uma franquia na √°rea de confec√ß√£o. Ser√° mesmo? Se algumas condi√ß√Ķes b√°sicas forem estabelecidas, com certeza a rede dar√° certo. S√£o elas:

> Ter e manter um conceito bem definido de p√ļblico alvo, seu comportamento e estilo de vida

> Ter uma equipe de desenvolvimento de produto em constante trabalho de pesquisa de novos materiais, tendências e fornecimento, cada vez mais voltados para a qualidade e preço compatível

> Ter um sistema de pedidos eficiente, fazendo com que os franqueados possam participar na escolha do melhor mix de produto para a sua loja. E que eles tenham a responsabilidade em relação a essa compra (assessorada pelo franqueador)

> Uma entrega constante e adequada, não deixando o franqueado perder vendas nem receber produtos descoordenados ou depois da época

> Proporcionar um treinamento adequado e não apenas um estágio na loja própria, fazendo com que o franqueado e seu gerente conheçam o conceito da linha, o processo de criação e produção das peças, todo o sistema de captação, seleção e gerenciamento da equipe de vendas e a padronização visual da loja

> Uma supervisão e monitoramento da rede, para não só conhecer de perto o desempenho das lojas e do giro de produtos da linha, mas também para criar sistemas de premiação e competição na rede

> Criar constantemente estratégias de marketing de varejo que possam estimular a venda e o recall da marca nos consumidores.

Comentar

Vitrines chamativas? Olhe estas!

 

A Champs Elysées e a 5th Avenue amanheceram com exemplares de velociraptors, tiranossauro rex, triceratops e outros dinos tão assustadores quanto. Vitrines da Louis Vuitton, em Paris e NY, trazem desde junho os esqueletos desses bichos para mostrar a coleção pre-fall/winter 2013-2014. Alguns bichos carregam bolsinha!

H√° muito os dinos fascinam crian√ßas e adultos, n√£o tem como n√£o parar para olhar as vitrines. Uma vez dentro da loja, os produtos t√™m descri√ß√Ķes detalhadas como as encontradas em museus.

Fotos:  Facebook/Louis Vuitton

Comentar

A arte de franquear com sucesso

 

Redes de franquias exigem planejamento e profissionalismo. Por isso, nunca é demais reforçar:

 

Comentar

Puket do bem

 

Incrível a campanha da Puket para este inverno! A empresa está recolhendo meias velhas, que serão lavadas e recicladas na forma de cobertores para quem precisa!

Cláudio Bobrow, sócio fundador da Puket, que está no mercado há 25 anos, diz que a empresa sempre enviou sobras do processo de produção para a reciclagem e transformação em cobertores. Mas, um dia, veio o estalo: Por que não reciclar meias velhas?

As pessoas sempre doam roupas, mas as meias, mais desgastadas do que as demais pe√ßas, acabam indo pro lixo. Agora, elas tamb√©m podem ser √ļteis com o Meias do Bem, um projeto pra l√° de vencedor! Sem dizer que, para cada par doado, a empresa vai entregar um novinho para quem precisa.

E aí, já doou as suas? www.meiasdobem.com.br

 

Comentar